Ladeira Alexandre Leonel nº 221 | 1º andar | Spazio Design | Juiz de Fora - MG
Marque sua Consulta

Blog

Voltar

Qual o limite do seu joelho?

A Teoria do envelope de Função

Grande parte das lesões do joelho, em especial aquelas associadas ao esporte, tem relação com atividades repetitivas. Mas não é simplesmente o fato de fazer várias vezes o mesmo movimento ou exercício que leva a uma lesão. O que está de fato relacionado é o excesso, seja por uma frequência muito elevada ou por uma carga muito acima do suportado pela articulação.

E aí vem a grande dificuldade: como definir a faixa de trabalho ideal? Um autor americano, Scott Dye, criou uma teoria para tentar responder a essa questão – a teoria do Envelope de Função. Nela são observados e relacionados dois aspectos, carga e frequência. Com a análise de ambos, é possível encontrar a zona ideal de trabalho que permite ao atleta alcançar os objetivos dos exercícios, mas sem ultrapassar a linha de segurança que a levaria à zona de falha estrutural, onde surgem as lesões.

Por fim, o grande detalhe é entender que a faixa de trabalho ideal, o envelope de função, é variável. Com treinos adequados expande-se a capacidade da articulação. Por outro lado, o sedentarismo, o ganho de peso, uma lesão ou mesmo um estado de pós-operatório fazem diminuir esse envelope. E para trabalhar e evoluir com segurança só com treinos corretos e a devida orientação profissional do treinador/educador físico além da equipe médica e fisioterapêutica que assistem o indivíduo.

Quer saber mais? Leia nesta matéria do Estadão: http://esportes.estadao.com.br/blogs/corrida-para-todos/qual-e-o-limite-do-seu-joelho/


Conheçam também:

FACEBOOK – INSTAGRAM

Notícias Recentes

Dicas para evitar lesões no atletismo

Os esportes de alta intensidade exigem muito mais do ...
Saiba mais

Meu joelho estala, o que pode ser?

Por que meu joelho estala? Frequentemente escuto essa...
Saiba mais

Cirurgia do joelho: quando é indicada e quais os tipos?

O joelho integra o sistema musculoesquelético e é a...
Saiba mais