Ladeira Alexandre Leonel nº 221 | 1º andar | Spazio Design | Juiz de Fora - MG
Marque sua Consulta

Blog

Voltar

A importância do acompanhamento de um especialista em joelho pelos atletas

O joelho é a maior articulação do corpo e uma das mais fortes. Como a estrutura dessa articulação é complexa, atletas devem ter acompanhamento de um especialista em joelho para evitar qualquer dano ou complicação. 

 

Certos esportes, como corrida, futebol, basquete, ou skate ou patinação, têm risco aumentado de lesão na articulação do joelho devido aos movimentos bruscos inerentes ao esporte. 

 

Paradas repentinas, mudanças de direção ou a pressão aplicada na articulação do joelho durante a corrida podem causar dor ou lesão no joelho. O uso excessivo por meio de treinamento intenso ou jogo frequente, ou trauma de força bruta também pode ferir o joelho do atleta.

 

Nesse sentido, ter acompanhamento de um especialista em joelho pode ser um grande diferencial, e é sobre esse tema que abordo no artigo. Confira!

 

O trauma no joelho

O joelho é suscetível a muitos tipos de lesões — especialmente para atletas. Como em geral as atividades esportivas exigem muito contato ou choque, é natural que os joelhos de esportistas recebam uma sobrecarga maior se comparado ao de uma pessoa comum.

 

E pela sua complexidade, ter um especialista pode ser um grande diferencial para detectar mais rapidamente qual a lesão no joelho e indicar o tratamento que proporcione o melhor resultado.

 

Lesão do LCA

O ligamento cruzado anterior  (LCA) é um dos principais ligamentos estabilizadores do joelho. Localizado dentro da articulação do joelho, o LCA ele evita a movimentação do joelho para frente, mantendo-o estável. Ele também é um dos ligamentos do joelho mais comumente lesados ​​em atletas.

 

Os atletas que participam de esportes de alta demanda, como futebol, basquete e vôlei, por exemplo, têm maior probabilidade de lesionar o LCA. E as atletas do sexo feminino apresentam maior incidência em determinados esportes. Lesões ou rupturas do LCA podem acontecer como resultado de:

 

  • Corte, pivô ou pouso de perna única
  • Torcer o joelho quando o pé está plantado ou ao pousar em um pé
  • Pancada no joelho, geralmente do lado de fora

 

Sintomas da lesão

O primeiro sinal de que você pode ter lesionado o ligamento cruzado anterior pode ser um ruído ou sensação de estalo. Por exemplo, seu joelho pode ceder e você pode não conseguir continuar a atividade, ou você pode sentir fortes dores e não conseguir mover o joelho.

 

Em 24 horas, é provável que sinta dor no joelho com inchaço. Seu joelho pode ficar instável e dolorido demais para suportar o peso. Outros sintomas típicos incluem:

 

  • Perda de amplitude total de movimento
  • Desconforto ao caminhar
  • Sensação de instabilidade, como se fosse sair do lugar

 

Se ignorados, o inchaço e a dor podem desaparecer por conta própria. No entanto, se você tentar voltar aos esportes sem tratamento, seu joelho provavelmente ficará instável e você correrá o risco de danificar ainda mais a cartilagem de amortecimento (menisco) do joelho.

 

Leia também::: Cuidados para fazer exercício físico sem se machucar

 

Acompanhamento de um especialista em joelho

Aí que entra a importância de um médico ortopedista que seja especialista em joelho. Mas corpo humano é dividido em várias áreas, e cada uma com suas particularidades — uma mais complexa com a outra.

 

Por exemplo, se você tivesse um problema cardíaco, é claro que você gostaria de ser atendido por um médico cardiologista, e não por um neurologista — que também tem grande conhecimento médico, mas em cérebro.

 

O mesmo acontece com o joelho. Ele é composto por uma complexa estrutura e apenas um especialista saberá identificar as lesões corretamente e indicar o melhor tratamento. Além disso, eles podem analisar e ajudá-lo a melhorar sua técnica para diminuir o estresse sobre os joelhos e orientá-lo por meio de exercícios de força e condicionamento.

 

Quando buscar auxílio

Em geral, pessoas comuns ao sentirem algum desconforto no joelho tendem a parar a atividade. Outrossim, atletas costumam fazer justamente o contrário — mesmo com a dor, procuram ir cada vez mais longe e dar o máximo de si. E é aí que está o grande erro. Se houver uma lesão real, isso pode resultar em mais danos. 

 

Nesse ponto, ter o acompanhamento de um especialista em joelhos pelos atletas pode ser um grande diferencial. O ortopedista saberá identificar mais rapidamente qualquer problema, evitando que a lesão aumente e seja ainda mais difícil de tratar.

 

Por isso, quaisquer sintomas desconfortáveis ​​são sinais de seu corpo de que algo está errado ou que você precisa descansar. Abaixo estão três sinais de que você deve consultar um especialista para dores nos joelhos.

 

  • A dor está associada a descoloração, inflamação ou outros sintomas. Mesmo que o que você sinta seja leve, esteja ciente dessas outras indicações de uma condição médica.

 

  • Seus sintomas pioram quando você realiza certas atividades. Se colocar pressão sobre os joelhos ao caminhar ou correr aumenta a dor ou, ao contrário, se ficar sentado ou deitado sem fazer nada por um período de tempo causar desconforto, fique atento a isso e informe o seu médico na próxima consulta.

 

  • O repouso e os tratamentos conservadores não proporcionaram alívio. Fazer uma pausa nos exercícios ainda não melhorou sua condição? Você pode precisar de um tratamento mais avançado administrado por um profissional.

 

Dar a pausa no momento certo e buscar o acompanhamento de um especialista em joelho pode evitar que a lesão tome proporções maiores e garanta seu retorno mais rapidamente às atividades.

 

Cuide do seu joelho

Seja você um atleta de alto rendimento, ou mesmo um jogador de futebol de final de semana, os cuidados com o joelho devem ser sempre redobrados. Ou seja, essa articulação é a responsável em nos garantir nossos movimentos e negligenciar uma dor pode ser sinônimo de uma parada longe das quadras ou gramados.

 

Por isso, procure manter sempre seu joelho fortalecido, faça exercícios específicos para o condicionamento da área, e mantenha sempre um estilo de vida saudável. Evitar o sobrepeso é outra dica para que nossos joelhos não fiquem sobrecarregados.

 

Portanto, procure manter sempre o acompanhamento de um especialista em joelho. Convido também a baixar gratuitamente meu e-book sobre Recuperação do Joelho. Nele, apresento todos os passos para o retorno ao esporte após uma lesão no joelho.

 

Notícias Recentes

Retorno ao esporte após cirurgia no ligamento cruzado anterior

  Como é o retorno ao esporte após cirurgia...
Saiba mais

Dor no joelho ao dobrar e esticar: o que pode ser?

A dor no joelho ao dobrar e esticar a perna pode afet...
Saiba mais

Conheça com detalhes a anatomia do joelho

    O joelho é uma estrutura complex...
Saiba mais